Justiça decreta sequestro de bens de acusados de estupro coletivo em Queimadas

A Justiça decretou na sexta-feira (9) o sequestro de parte dos bens de dois irmãos acusados de planejar o estupro de coletivo de cinco mulheres na cidade de Queimadas, no Agreste da Paraíba, na madrugada do dia 12 de fevereiro. A decisão foi tomada pela juíza da 1ª Vara de Queimadas, Flávia Baptista Rocha, após um pedido movido pela família de uma das mulheres mortas durante o crime, a recepcionista Michele Domingos da Silva.

A ação pedindo o leilão dos bens dos irmãos Eduardo dos Santos Pereira e Luciano dos Santos Pereira foi impetrada no último dia 28 de fevereiro. De acordo com o advogado que representa os pais da vítima, Francisco Pedro da Silva, o processo foi motivado porque ela era a principal fonte de renda da família e os valores arrecadados pela Justiça deverão ser revertidos em indenização.

No despacho determinando o sequestro dos bens, a juíza elenca duas motocicletas, dois automóveis, além de dois capacetes e dois cavalos de raça. Segundo a Polícia Civil, o somatório dos bens corresponderia a mais de R$ 200 mil e praticamente todos teriam sido adquiridos com dinheiro em espécie pelos acusados. A juíza também autoriza a realização de leilões para a venda dos bens.

Para o advogado Francisco Pedro da Silva a decisão da Justiça foi bastante positiva. Segundo ele, após o crime, os bens servirão de amparo para a família de Michele. “Eles serão leiloados o mais rápido possível e o dinheiro depositado em caderneta de poupança, até que o fim da sentença condene os acusados e a família da vítima tenha o direito de utilizar esses recursos”, explicou.
No dia 28 de fevereiro a Justiça aceitou aceitou as denúncias e representações do Ministério Público da Paraíba contra os sete adultos e três adolescentes apontados como envolvidos nos estupros de cinco mulheres e morte de duas delas. Nove integrantes do grupo serão julgados monocraticamente por estupro, cárcere privado, lesão corporal e formação de quadrilha. Além destes quatro crimes, Eduardo dos Santos Pereira será levado ao tribunal do júri devido à acusação por dois homicídios qualificados.

 

Fonte: IPARAIBA

Sobre mundosofismo

Somos educadores populares e acreditamos na teoria de educação freirena, este espaço se destina a comunicação popular nas mais variadas mídias e formas. Buscamos colaborar com a liberdade de expressão através da defesa absoluta da democratização da mídia, colaborando com causas e movimentos e seus protagonistas nas lutas em todas os meios inclusive através do ciberativismo em Rede Mundial de Computadores.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Justiça decreta sequestro de bens de acusados de estupro coletivo em Queimadas

  1. Pingback: Rádio Cirandeira Ultrapassa as 200.000 visualizações | Rádio Cirandeira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s