Higienazação Social pega o Beco da Lama

Querem acabar com o Beco da Lama

Querem acabar com o Beco da Lama

Foto Rodrigo Sena

Enquanto centros como Salvador, Recife e Rio incentivam a manter a história cultural da cidade, como o Pelourinho na capital baiana, o Recife antigo na capital pernambucana e a Lapa, na capital fluminense, em Natal a promotora de Justiça e do do Meio  Ambiente Rossana Sudário resolve punir um tradicional reduto boêmio da Cidade Alta, o Beco da Lama, proibindo a partir de 21 de fevereiro qualquer evento musical na área. A sentença da promotora está embasada em um abaixo-assinado apresentado à Promotoria respaldado por 20 moradores daquela área.

A Cidade Alta, é bom que se diga, há muito deixou de ser um bairro residencial. Tudo bem que se há abuso com relação ao som, que se chegue a um denominador comum. Mas daí determinar o fim de qualquer evento cultural na área já é um tanto quanto demasiado. Numa cidade que se ressente de eventos culturais como a capital potiguar, é pouco provável que a medida extrema adotada pela promotora Rossana Sudário mereça o aplauso da sociedade. Até porque o que se fala é que em não sendo mais um espaço cultural o Beco da lama se transformará numa cracolândia. Ouso dizer que concordo com tal afirmação.

Se o problema é o barulho, por que é que a promotora Rossana Sudário não levanta uma bandeira junto aos nossos legisladores para fazer uma lei que proíba definitivamente os chamados paredões em carros e caminhonetes de gente que tem dinheiro? Coibir só não é o suficiente. Já disse aqui neste espaço e repito. Neste verão foram inúmeras as proibições. Mas quando a Polícia vai embora volta-se tudo de novo. Não é o caso do Beco da Lama. Alí era só estabelecer um horário e um limite para a altura do som. Pronto: estava resolvido o problema. Mas, não. A promotora resolveu tomar uma medida extrema. No caso dos paredões, que faz mal inclusive a saúde afetando a audição, baixasse o som. Quando a polícia vai embora …  Ah, deixa pra lá!

Infelizmente o Beco da Lama vai acabar mesmo virando uma cracolândia. E a quem caberá a culpa por causa disso? Certamente as pessoas que entraram com o abaixo-assinado para proibir eventos culturais no local hão de se arrepender futuramente, porque ao invés de boêmios vão ter no local drogados. Espero está errado, mas é isso que se prevê. Que Rossana Sudário possa rever sua posição e que o Beco da Lama continue a ser um reduto boêmio e cultural da cidade como sempre foi. Não demora muito a promotora vai querer também fechar o Buraco da Catita, na Ribeira. A conferir!

Artigo do Jornalista Carlos Alberto Barbosa para o Blog do Barbosa

Anúncios

Sobre mundosofismo

Somos educadores populares e acreditamos na teoria de educação freirena, este espaço se destina a comunicação popular nas mais variadas mídias e formas. Buscamos colaborar com a liberdade de expressão através da defesa absoluta da democratização da mídia, colaborando com causas e movimentos e seus protagonistas nas lutas em todas os meios inclusive através do ciberativismo em Rede Mundial de Computadores.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Higienazação Social pega o Beco da Lama

  1. Pingback: Rádio Cirandeira Ultrapassa as 200.000 visualizações | Rádio Cirandeira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s