Barbárie: Em festa de aniversário bandidos estupram todas as mulheres e matam duas no Agreste

Uma verdadeira barbárie foi o que presenciaram participantes de uma festa de aniversário no município de Queimadas, no Agreste da Paraíba, na madrugada deste domingo (12). Todas as mulheres que estavam no local foram estupradas e duas morreram com tiros à queima roupa.

A tragédia aconteceu durante um aniversário, no Centro de Queimadas, há 15 km de Campina Grande, quando por volta da 0h, seis bandidos encapuzados e fortemente armados invadiram a comemoração – que fica na rua César Ribeiro, nº 190 -, amarraram as 15 pessoas que estavam no local e as agrediram, além de estuprarem todas as mulheres.

Barbárie: Em festa de aniversário bandidos estupram todas as mulheres e matam duas no Agreste

Os assaltantes fugiram levando duas mulheres, R$ 5 mil do dono da residência e uma Picape de um participante da festa. A recepcionista Michele Domingos da Silva, 29 anos, conseguiu pular do veículo em movimento, mas os acusados pararam o carro e a executaram na lateral de uma igreja católica. Já a professora Isabela Jussara Frazão Monteiro, 27 anos, foi amarrada com algema de plástico e em seguida deixada em cima da Picape morta.

Cinismo: dois acusados de matar e estuprar mulheres foram ao velório das vítimas; 9 são detidos

Dois acusados de estuprar, roubar e matar mulheres em Queimadas – os irmãos Eduardo e Luciano – foram ao velório das vítimas – a recepcionista Michele Domingos da Silva, 29, e a professora Isabela Jussara Frazão Monteiro, 27.

A prisão deles foi decretada enquanto assistiam a comoção provocada pela morte brutal das duas mulheres. Eles são apontados como mentores da tragédia.

Grupo foi apresentado hoje:

dois acusados de matar e estuprar mulheres foram ao velório das vítimas; 9 são detidos

Os 9 acusados, inclusive os dois que foram presos no velório.

Antes deles, uma operação coordenada pelos 2º e o 10º Batalhão da Polícia Militar e integrantes da Polícia Civil já haviam detido sete acusados de participação no crime.

Com a bando a polícia encontrou um carro importado eu um moto 600 cilindradas.

Leia mais: Barbárie: Em festa de aniversário bandidos estupram todas as mulheres e matam duas no Agreste

Todo o grupo será apresentado às 10 horas na Central de Polícia de Campina Grande.

O crime
A tragédia aconteceu durante um aniversário, no Centro de Queimadas, há 15 km de Campina Grande, quando por volta da 0h, seis bandidos encapuzados e fortemente armados invadiram a comemoração – que fica na rua César Ribeiro, nº 190 -, amarraram as 15 pessoas que estavam no local e as agrediram, além de estuprarem todas as mulheres.

Os assaltantes fugiram levando R$ 5 mil do dono da residência e uma Picape. Eles também levaram Michele e Isabela.

Michele Domingos da Silva, 29 anos e Isabela Jussara Frazão Monteiro, 27 anos

Isabela Jussara Frazão Monteiro, 27 anos e Michele Domingos da Silva, 29 anos

Michele conseguiu pular do veículo em movimento, mas os acusados pararam o carro e a executaram na lateral de uma igreja católica.

Já Jussara Frazão Monteiro foi amarrada com algema de plástico e em seguida deixada em cima da Picape morta.

Fontes:

http://www.feminismo.org.br/

http://joaoesocorro.wordpress.com/

Anúncios

Sobre mundosofismo

Somos educadores populares e acreditamos na teoria de educação freirena, este espaço se destina a comunicação popular nas mais variadas mídias e formas. Buscamos colaborar com a liberdade de expressão através da defesa absoluta da democratização da mídia, colaborando com causas e movimentos e seus protagonistas nas lutas em todas os meios inclusive através do ciberativismo em Rede Mundial de Computadores.
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Barbárie: Em festa de aniversário bandidos estupram todas as mulheres e matam duas no Agreste

  1. Pingback: Tragédia em Queimadas: estupro coletivo foi planejado durante 15 dias | Rádio Cirandeira

  2. Empalador disse:

    tem gente no brasil, tem gente na europa, tem gente nos estados unidos, tem gente no diabo que o carregue, que defende bandido, que defende estuprador, que defende menor assassino…EU NÁO DEFENDO, EU NÁO DE-FEN-DO!! NÁO GOSTOU??? AQUI Ó!

  3. Jose Antonio disse:

    Pena de Morte sim no Brasil! E de volta ao metodo antigo, em praça publica com direito a guilhotina nada dessas modernices com injeção letal.

  4. Pingback: Rádio Cirandeira Ultrapassa as 200.000 visualizações | Rádio Cirandeira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s