Índio baleado no peito, morre de anemia aguda diz laudo médico.

Índio da Aldeia Tawá é morto em Corumbau, município de Prado

O fato aconteceu neste domingo (10), por volta das 17h, quando o índio Florisvaldo da Rocha Braz, 42 anos, morador da Aldeia Tawá, distrito de Corumbau, no município de Prado, estava em um bar ingerindo bebida alcoólica, onde teria começado uma discussão com uma mulher. O clima ficou tenso e populares solicitaram a presença do policial militar Amparo, lotado na 43ª Companhia Independente da Polícia Militar de Itamaraju e escalado para trabalhar na região de Corumbau.

Índio Florisvaldo da Rocha Braz, 42 anos

O policial Amparo alega que chegou a aclamar Florisvaldo e outra pessoa envolvida na discussão, mas minutos após o índio se apossou de um pedaço de ferro e partiu pra agredir o PM, que chegou a sacar a arma e atirar para o alto tentando intimidá-lo.
O PM Amparo conta que mesmo diante do disparo de alerta o índio Florisvaldo não intimidou-se e ainda em posse do vergalhão teria tentado mais uma vez contra à vida do policial, que por sua vez não teve outra saída a não ser acertar o agressor, alvejado com um tiro de pistola ponto 40 no peito esquerdo.
De imediato o soldado PM Amparo socorreu o índio Florisvaldo ao Hospital Municipal de Itamaraju (HMI), onde este não resistiu ao ferimento provocado pelo projétil da arma de fogo e veio a óbito.
O investigador Manoel Soares, acompanhados dos agentes públicos Anderson Barbosa e Maria das Graças Emeric, estiveram no HMI, realizando o levantamento cadavérico, removendo o corpo para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues de Itamaraju (IML). A necropsia foi feita pelo médico legista Ademir Alves, que confirmou a causa morte como sendo anemia aguda.
O comandante da 43ª Companhia Independente da Polícia Militar de Itamaraju, que responde também pelo Prado, major Raimundo César Magalhães relatou que já instaurou inquérito policial militar para apurar com mais detalhes o ocorrido.

Por Lênio Cidreira – Portal N3

Anúncios

Sobre mundosofismo

Somos educadores populares e acreditamos na teoria de educação freirena, este espaço se destina a comunicação popular nas mais variadas mídias e formas. Buscamos colaborar com a liberdade de expressão através da defesa absoluta da democratização da mídia, colaborando com causas e movimentos e seus protagonistas nas lutas em todas os meios inclusive através do ciberativismo em Rede Mundial de Computadores.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Índio baleado no peito, morre de anemia aguda diz laudo médico.

  1. Pingback: Noticias mais visualizadas na Rádio Cirandeira no ano de 2011 – Retrospectiva | Rádio Cirandeira

  2. Tanto lugar para o POLICIAL ATIRAR COMO NAS PERNAS E BRAÇOS, locais não letais e o ínviduo atira no peito do homem.
    Alega Legítima defesa.
    Eu digo Homicídio, O Homem estava embreagado, avariado e confuso mentalmente, não tinha total consciência dos seus atos.
    Policia despreparada e profissionais que se julgam a LEI. Basta isso é ultraje, este Senhor Policial deveria ser autoado por Homícidio doloso; ele teve a intensão de matar, mesmo tendo socorrido a vítima.

    • mundosofismo disse:

      Obrigado por vossa participação na Rádio Cirandeira Dr Eduardo Gonçalves Amarando, se o senhor desejar publicar algo em nosso Blog sinta-se a vontade, aguardamos vossa contribuição.

  3. Pingback: Rádio Cirandeira Ultrapassa as 200.000 visualizações | Rádio Cirandeira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s